Follow by Email

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Você sabe esperar?

Não, o criador não abandonou sua criatura!!!

Mesmo o último post sendo de mais de 10 dias atrás....

E já perceberam como 10 dias, hoje em dia, parecem uma eternidade para esperar mas passam voando se formos nos lembrar?

A geração e o mundo imediatista em que vivemos nos fez perder a real noção e valor do tempo. É engraçado como o dia, a semana, o ano passam voando enquanto que as esperas parecem infinitas.

Sou uma pessoa extremamente agoniada e angustiada quando o assunto é espera, calma e paciência. Essas duas virtudes quase não fazem parte do meu dia-a-dia. E será que essa é uma característica da Carolina ou de todos os "Y" que vêm crescendo em ritmo tão frenético, que as vezes até se esquecem de onde querem chegar?

Estamos tão acostumados a ter, fazer e querer tudo para ontem que quando somos obrigados a aguardar... Não sabemos o que fazer!

Eu não sei lidar com a espera, sempre que quero alguma coisa quero agora,se tomo uma decisão tenho que contar pra todo mundo. Por mais que esses relatos pareçam um desabafo cheio de características pessoais, sinto que muita gente é assim também.

Um exemplo simples de como não conseguimos fazer uma coisa de cada vez é a tela do computador. Pare de ler esse texto e observe quantas guias de internet estão abertas, além do email, MSN, Excel...

E não adianta, a vida nos faz esperar. Vira e mexe nos deparamos com situações que não há nada a fazer a não ser AGUARDAR. E isso não quer dizer que falhamos, ou que poderíamos ter feito melhor. Também não podemos usar esse tipo de situação como "muleta" para não tomar uma providência ou outra.

Simplesmente, chega uma hora em que a hora da chegada é o próximo passo.

Grandes desafios, exigem paciência e perseverança. Nossas decisões de hoje  nos levarão ao que seremos quando crescer. E poucos sabores são melhores quanto o de um objetivo alcançado.

Quando eu crescer, quero me sentir menos angustiada quando o controle da situação não estiver em minhas mãos. Quero ter aprendido a ter paciência para esperar e, enquanto isso, planejar os próximos passos com mais cautela, sem deixar tudo pra última hora e por a culpa na falta de tempo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário