Follow by Email

domingo, 10 de julho de 2011

Falta de que?

O primeiro post do meu blog, é mais um desabafo...

Tive a idéia desse blog há muito tempo, mas nunca havia colocado em prática, primeiro porque não tenho muita habilidade com essas ferramentas on line, segundo...Por falta de tempo.

Falta de tempo.Essa é a justificativa mais usada pra tudo que deixamos de fazer. E será que é mesmo uma justificativa ou só mais uma desculpa?

Ninguém tem tempo pra mais nada, não é? E falo com propriedade no assunto, a frase "Não tive tempo" faz parte do meu cotidiano.

E, refletindo sobre essa correria (outra campeã de audiência), me veio a cabeça que talvez não consiga realizar um dos meus maiores sonhos: Constituir uma família!

Pensa, que com 23 anos, sem ter um passarinho pra dar água, morando com a minha mãe,vivo sem tempo...Imagina quando eu tiver minha casa, meus filhos, marido, cachorro... E sem deixar de trabalhar, claro. Até porque outro grande sonho é ser executiva de capa de revista.

Das duas uma: ou terei que organizar melhor minhas prioridades, ou como tudo é prioridade, parar de usar a falta de tempo como desculpa para preguiça, cansaço, falta de disciplina....

Nessa semana que começa amanhã, convido todos a um desafio:

NÃO DEIXAR DE FAZER NADA POR FALTA DE TEMPO!

Eu vou tentar e domingo que vem agente compartilha os resultados.
Bom final de domingão e boa semana com muita correria e muito tempo a todos.

15 comentários:

  1. Gostei muito do blog Carol!!! Tá de parabéns!!!!

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Douglinhas :)

    ResponderExcluir
  3. Carol falou bunito agora hehehe... Parabéns pelo blogspot.

    E vamos viver o tempo, ao invés de reclamar a falta dele, eis aí um bom desafio...

    Ralf

    ResponderExcluir
  4. Carol,

    Espero que você encontre tempo para escrever neste Blog! Rsrs

    Pode contar comigo como seguidor, torcedor e colaborador para desenvolvimento de ideias

    Abs

    Rodrigo

    ResponderExcluir
  5. Obrigada pelo apoio meus companheiros do dia-a-dia, Rodrigo e Ralf. Prometo não escrever no blog durante o expediente...hehehe

    ResponderExcluir
  6. Adorei Amadenhas!
    Eu acho que nosso tempo somos nós quem fazemos... acredito sim que as prioridades tenham horários privilegiados e que esta falta muitas vezes possa ser utilizada como uma "desculpa" ou realmente uma forma de adiar o que não se pode fazer naquele dia...
    Quando você tiver sua família, seu "tempo" ainda vai faltar.. mas as prioridades você com certeza vai conseguir alcançar!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Ah amadas Claiirrss, obrigada!!

    ResponderExcluir
  8. Carol, adorei o "quem sou eu"... Você curiosa?! Imagina!!! Já está sabendo da última novidade???

    "Comunicativa por prazer"... a palavra prazer está bem próxima daquela que você aprendeu a gostar quando mudou pra área comercial... hehe.

    E por falar em mudança, você disse que é "normal"... lembra a angústia que ficava nas várias mudanças?

    Sinta-se querida e abraçada! E boa sorte no blog, espero que sempre encontre tempo pro blog... e pro ócio, é claro que sempre criativo!

    PS: Saudades dos nossos momentos de ócio criativo regados a chopp!

    Mariana

    ResponderExcluir
  9. Viu como o comercial está me mudando, Mari?

    Obrigada pelo desejo de sorte e ócio (criativo), acho que até vou usá-lo como tema um dia...hehehe

    Que dia vc vem pra cá praticar o ócio criativo???

    ResponderExcluir
  10. Vai trabalhar carol... :D

    ResponderExcluir
  11. Estou trabalhando Victor, em projetos pessoais tb. o "O que vocÊ vai ser quando crescer" já é sucesso, falta só arrumar as configurações de layout que, inclusive você podia me ajudar :)

    ResponderExcluir
  12. Carol

    orte no projeto "Blogueira" !!!
    quando for dar entrevista no Jô Soares lembre de nós ...

    Bjs

    Ariadne Santos

    ResponderExcluir
  13. Vá trabalhar você também Ariadne Santos... Vocês duas andam muito desocupadas... :D

    ResponderExcluir
  14. Ainda nao cresci... mas estou quale lá

    Por incrível que pareça ninguem nunca me perguntou o que eu queria ser quando crescesse. Nada de médico(a) bombeiro(a) engenheiro (a)... simplesmente cresci(para cima e os lados rs rs ) e quando me dei conta já tinha passado metade da minha vida.
    Hoje penso que ainda é tempo. Tenho a outra metade pela frente.Ainda é tempo de sonhar, de realizar desejos secretos, de conquistar aquilo que ninguém nunca te perguntou se queria conquistar ou que valesse a pena lutar. Talvez quando eu crescer de verdade, queira me espelhar na criadora desse blog, uma pessoa sensata, honesta, batalhadora, com a certeza do que quer na vida, mesmo ainda tão jovem. Uma pessoa que conheço desde que nasceu e de quem me orgulho muuito. Meio ranzinza, às vezes, mas de um coração que nao tem tamanho. É isso aí..nunca é tarde para crescermos, nunca é tarde pra sonhar, nunca é tarde para "recrescer"

    ResponderExcluir
  15. Filho de peixe, peixinho é...Nunca é tarde, nem errado começar.
    Te amo mãe :)

    ResponderExcluir